fbpx
Carregando...
CARREGANDO...
Home  »  Marketing Digital   »   Conteúdo Evergreen: o que é, exemplos e por que investir neles em sua produção de conteúdo

Você já ouviu falar em conteúdo evergreen? Na internet, é necessário desenvolver um conteúdo que seja atrativo para o seu cliente de forma constante, atraindo mais pessoas e informando os usuários. 

Contudo, quando esse conteúdo consegue ter um tráfego constante, a estratégia se torna ainda melhor, pois isso representa um melhor aproveitamento por parte da empresa, assim como de sua audiência. 

Com um conteúdo que seja perene, outra nomenclatura para a estratégia, além do tráfego de clientes ser maior, é possível que seu conteúdo de marketing digital consiga atrair mais perspectivas para o seu usuário, visto que o material continua válido ao longo do tempo, otimizando estratégias e agregando valor à marca.

Vamos conferir mais sobre essa temática no decorrer dos próximos tópicos.

Como realizar um conteúdo evergreen?

Existem assuntos e temas que nunca perdem sua importância e que podem despertar ainda mais o interesse das pessoas. Esses são os conteúdos perenes, ou evergreen, consistindo em temas mais “frios” e que podem ser publicados e/ou pesquisados em qualquer época do ano, trazendo informações e dicas ao leitor;

No ambiente do marketing digital, a intenção é atrair os clientes, fidelizar as pessoas e obter ainda mais credibilidade para o seu negócio. 

Diante disso, é importante que a empresa tenha um planejamento de produção de conteúdo que também foque em conteúdos com maior perenidade, ou seja, temas que sejam atemporais e vão manter a atração do público independentemente do momento e reduzindo a necessidade de criar um novo material anualmente, por exemplo.

Nesse contexto, alguns exemplos de temas podem ser elencados. Contudo, é preciso ressaltar que é extremamente importante que esses conteúdos se relacionem diretamente com as estratégias de posicionamento e área de atuação. Assim, é possível trazer materiais como:

  • Qual tipo de carro comprar;
  • A importância de ter um site;
  • Como fazer um bolo de cenoura com chocolate;
  • A importância da contabilidade para sua empresa;
  • Dicas para decorar seu jardim;
  • X formas de aplicar o paisagismo;
  • Como abrir o seu primeiro negócio.

Agora, dentro do Marketing, sobretudo, do marketing digital não dá para confundir conteúdo evergreen com conteúdos que têm um tipo de atração mais imediata, visto que sua atuação é a longo prazo. 

Neste caso, para resultados imediatos, mas que também podem trazer certo retorno em determinados períodos, como eventos sazonais, alguns exemplos de conteúdos são a publicação sobre determinado produto, tendências, conteúdos relacionados a uma época específica (natal, ano novo ou evento mais específico). 

Desse modo, apesar desses assuntos serem importantes, não se enquadram – necessariamente no evergreen. Contudo, eles podem, e precisam, contar com uma mescla entre o perene e informações que tenham uma tendência para serem lidos naquele momento, ou seja, uma temporalidade mais definida. 

Mas, afinal, qual é a importância de produzir esse tipo de conteúdo?  

Importância do conteúdo perene

Como seu cliente consegue ler esse tipo de conteúdo em qualquer época do ano, esse material pode ser mais aproveitado, tendo uma durabilidade maior e trazendo potenciais clientes ao longo dos anos.

Com isso, a empresa consegue ter benefícios que variam desde a possibilidade de reforçar a autoridade da marca, ter melhores conexões entre os links do site e a possibilidade de direcionar conteúdos para a atração e retenção de leads (potencial cliente para a marca).

Além disso, um conteúdo que tem essa durabilidade mais elevada, pode ter maior credibilidade diante da concorrência, fazendo com que seu site seja visto como mais relevante tanto pelos usuários como pelas plataformas, melhorando o posicionamento no Google. 

Diante desses benefícios para a marca, é chegado o momento de verificar quais tipos de conteúdo perenes podem ser produzidos para o seu negócio. Não deixe de verificar mais detalhes a seguir!

Quais são os tipos de conteúdo perenes?

Agora que você já sabe a importância do conteúdo evergreen para o seu negócio, é importante destacar que, ao longo do tempo, é normal que a maioria dos conteúdos percam sua importância, ou ganhem mais relevância – e esse processo se dá continuamente.

Por isso, otimizar os materiais, verificar sua relevância e adotar materiais mais estratégicos são ações que contribuem muito para reduzir essa variação a longo prazo, por mais que elas ainda ocorram.

Assim, como a estratégia do Inbound Marketing é trabalhar com o marketing de atração, ou seja, desenvolver conteúdos que consigam manter a captação e atenção de potenciais clientes, é importante apostar no conteúdo evergreen dentro dessa estratégia.

Neste aspecto, existem alguns formatos que costumam ser mais comuns nessa categoria e que podem demandar maior tempo de produção e maior valor aos usuários, trazendo impacto a longo prazo. São exemplos que podemos destacar:

  • Textos com dicas e “roteiros”;
  • Criação de guias de orientação;
  • Artigos;
  • Vídeos;
  • Glossário;
  • Estudos de caso;
  • Entrevistas;
  • Checklists;
  • Recomendações;
  • Principais ferramentas de determinada área. 

Cada tipo de conteúdo listado tem uma particularidade, e deve ser pensado conforme a estratégia e objetivo a serem alcançados, além do tema mais perene. 

Por exemplo, as entrevistas podem tratar de uma experiência, uma situação particular ou até mesmo um fato que pode ser aplicado por outras pessoas, sendo um exemplo (como um case) ou mesmo mais informativo sobre um setor. 

No entanto, entrevistas sobre algo mais específico e pontual, são materiais que devem ser evitados.

Já os artigos, assim como guias de orientação, trazem direcionamentos para o cliente, podendo expressar opiniões ou materiais mais densos e informativos.

Essas recomendações podem estar presentes também em vídeos, assim como é possível realizar um estudo de caso de sucesso que podem ser interessantes em seu ramo. 

Contudo, é preciso ter cuidado com a abordagem, para que o conteúdo não se torne datado.

Posicionamento: Preparação e qualidade do material

Todos esses materiais levam tempo para serem produzidos e exigem pesquisa e boa elaboração, não somente do conteúdo, mas também da parte visual e da própria audiência que se espera atingir. 

Tendo isso em vista, para produzir o material é importante que a empresa conte com uma equipe de marketing que tenha especialização na área.

Isso porque não basta apenas produzir conteúdo, é fundamental que ele tenha qualidade e represente uma dúvida comum da audiência e que pode ser de interesse mais generalizado, por exemplo, tendo mais atração e qualidade nessa estratégia.

Lembre-se que é a qualidade que tem o poder de atrair usuários, e a falta dela pode repelir o seu cliente e prejudicar o posicionamento nos mecanismos de busca.

Por isso, existem algumas técnicas que podem ser aplicadas durante a construção do conteúdo, como é o caso do SEO – que falaremos a seguir. 

Independentemente das técnicas ou formatos usados, lembre-se que o conteúdo evergreen precisa de revisão. Isso representa dizer que é importante atualizar o conteúdo quando for necessário, bem como garantir que as informações presentes no material estão corretas e claras, e no caso de materiais em texto, bem escritas.

Mesmo conteúdos atemporais podem necessitar de uma complementação no decorrer dos meses ou anos. Por isso, não deixe de ter atenção a isso e verificar formas de atualizar o material, e de destacá-lo nas plataformas, como no Twitter Ads, para trazer um novo destaque, por exemplo. 

Lembre-se que se você não atualizar esse conteúdo, é bem provável que o cliente perca o interesse e ele perca valor e autoridade ao longo do tempo, impactando no objetivo principal de desenvolver materiais perenes.

Pense que sua área de atuação diz respeito à organização e decoração de ambientes, e o usuário tem interesse sobre decoração residencial, mas esta é uma área que apresenta padrões mais clássicos e atemporais, como também tem frequentes tendências e novidades. 

Assim, é preciso estar atento a esses aspectos ao desenvolver e ao revisar o material ao longo do tempo, fazendo com que ele seja efetivo, independentemente do gosto do potencial cliente ou de apenas tendências.

Por isso, não é só criar o conteúdo, mas pensar em estratégias de como monitorar e aprimorar esse material quando necessário, com o objetivo de trazer atualizações e mantê-lo relevante. Confira as dicas a seguir para entender a relação desse conteúdo com o SEO.

SEO e a importância para o conteúdo evergreen

Ao longo do processo de produção de conteúdo evergreen, existem algumas técnicas que podem ser aplicadas com o objetivo de otimizar a produção e fazer com que seu negócio tenha estratégias bem implementadas e conteúdos mais efetivos para alcançá-las.

Uma dessas estratégias se dá por meio do uso do Marketing de Conteúdo, que consiste na produção de conteúdo direcionado, aprofundado e diversificado para os clientes. 

Com isso, a empresa pode variar na alimentação de sua página, seja com a criação de conteúdos em formatos de boletins, revistas eletrônicas, vídeos, fotos, design digital de peças online, dentre outros, criando mais valor e atratividade para o site, ou seja, atingindo novos e antigos clientes com materiais informativos e qualidade.

Outra questão importante diz respeito ao SEO. Essa importante técnica de otimização visa verificar as palavras-chaves que mais são pesquisadas pelos clientes. 

Esse tipo de pesquisa é importante porque informa as palavras que serão investigadas pelo cliente, fazendo com que a empresa consiga direcionar a sua produção e utilizar esses termos para ser localizado mais rapidamente em seu nicho, inclusive nos materiais perenes. 

Inclusive, esse processo pode ser feito para otimizar os conteúdos no decorrer das revisões, possibilitando que ele fique bem posicionado nos buscadores, mesmo anos após ter sido produzido.

Assim, independentemente da escrita estar ou não correta quando o cliente realiza a pesquisa, sua página na internet pode estar em evidência, assim como seu conteúdo evergreen. 

A partir do momento que a empresa utiliza ferramentas de busca que ajudam a definir as palavras-chaves, as técnicas de SEO podem ser aplicadas com mais facilidade, levando em conta o planejamento de publicações da empresa. 

Com isso, consegue-se produzir um conteúdo que tenha a contagem de palavras adequada, assim como palavras que sejam relacionadas de forma semântica, subtítulos, conteúdo com listas, dentre outros, com o segmento de atuação e interesse da audiência.

Outras estratégias interessantes 

O conteúdo também pode contar com técnicas de links internos ou hiperlinks externos, que direcionam a leitura do cliente de forma não linear, criando uma rede de relevância para o site como um todo.

Outra dica importante é a possibilidade de criar campanhas e anúncios em sites e redes sociais, fazendo com que os materiais tenham um alcance amplo – mas direcionado – no curto prazo, principalmente quando houver a revisão do material para captar novos clientes e divulgar a imagem institucional. 

Por conta disso, é possível utilizar a ferramenta do Google Ads, assim como de redes sociais como o Twitter Ads, Facebook Ads e Instagram Ads. 

Para isso, ao criar uma campanha, a empresa precisa definir quais são seus objetivos e metas. Por exemplo: 

  • Aumentar o número de curtidas na página;
  • Aumentar o número de visitas no site;
  • Aumentar o número de seguidores;
  • Melhorar os índices de recomendação. 

É interessante que ao criar uma campanha também é possível mensurar os resultados, permitindo o acompanhamento dos pontos mais fortes da estratégia e aqueles que podem ser melhorados.

Outra questão, para além da mensuração dos resultados, é a possibilidade de segmentar o público, escolhendo aspectos como área de abrangência da cobertura do anúncio, palavras-chaves, valor diário do orçamento e características do público. 

A grande vantagem de utilizar ferramentas como o Google Ads ou as redes sociais para anúncio é o fato de ter uma melhora no ranqueamento quando o cliente realiza a busca por determinada empresa. 

Com isso e o uso do evergreen seu negócio consegue ter uma visibilidade mais interessante e por mais tempo, trazendo novas oportunidades de crescimento. 

Postado por Leandro Telles em 02/fev/2022 - Sem Comentários

Deixe o seu comentário!